Reescrita da composição 11.ºA/B

Elabore uma reflexão sobre o papel da arte e do artista na sociedade atual, partindo da perspetiva exposta nos textos a seguir transcritos. Fundamente o seu ponto de vista recorrendo, no mínimo, a dois argumentos e ilustre cada um deles com, pelo menos, um exemplo significativo. Escreva um texto, devidamente estruturado, de duzentas a duzentas e cinquenta palavras. 
A arte teve sempre um papel de liderança no mundo, transformando-o e transformando-se.
A arte de um povo é a sua alma viva, o seu pensamento, a sua língua no significado mais alto da palavra; quando atinge a sua expressão plena, torna-se património de toda a humanidade, quase mais do que a ciência, justamente porque a arte é a alma falante e pensante do homem, e a alma não morre, mas sobrevive à existência física do corpo e do povo. ( Ivan Turgueniev)

TEXTOS PREMIADOS DAS OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA

Sobre Arminda Gonçalves

Professora de Português da Escola Secundária Augusto Gomes em Matosinhos.
Esta entrada foi publicada em Z_2015-16Portefólio11.ºA/B. ligação permanente.

13 respostas a Reescrita da composição 11.ºA/B

  1. Gonçalo Tato Macias Ferreira diz:

    Telas da Alma

    Arte: a dimensão mais complexa e bela do mundo em que vivemos. Pelo menos é essa minha opinião. Considero a arte uma das vertentes que move o nosso universo psicológico.
    Primeiramente, a arte possui desde sempre uma liderança global, criando uma transformação recíproca com o nosso mundo. Sempre foi o motor que impulsionou a evolução deste mundo. Sempre foi o motor que impulsionou a evolução deste mundo, e assim continuará, pelo que foi das primeiras que o ser humano desejou criar, e disso teve necessidade.
    Como exemplo disto tome-se em conta as pinturas rupestres: já existem desde antes da História que nos relata como seres vivos neste nosso planeta.
    Também sinto necessidade de referir (como segundo argumento) a arte como a chave da nossa existência sociopsicológica. Naturalmente, o Homem não conseguiria viver somente pensando na sua sobrevivência. O Homem criou a necessidade de entretenimento e relato da vida, tal como anteriormente referido. Por tal razão surgiu a arte. A arte puramente abstrai o Homem de tudo o que está a sua volta e por ele é contemplado. A arte acaba então por se tornar no veículo para a expressão psicológica e artística do seu pensamento, pois só a arte o preservará, ao contrário da ciência que apenas sofre renovação. E assim cria para ela própria uma gaveta das nossas memórias, prevenindo a morte absoluta das almas a ela correspondidas.
    Em suma, exprimo que a arte é deveras, um elemento insubstituível do nosso mundo e das nossas almas, dando cores à tela branca correspondente à forma mais básica sob a qual existimos.

  2. Cláudia Cova diz:

    A arte é…
    Ao longo dos anos, o papel da arte e do artista sempre tiveram uma grande influência na sociedade e continuam a ter.
    A arte é um meio de comunicação, é uma maneira de expressar o que sentimos seja em relação a uma pessoa ou a um objecto, pode ser expressa e interpretada de diferentes maneiras. Por exemplo, a música é arte, pois a música transmite-nos várias emoções, emoções que os compositores transmitiram para a música. A música é algo que alguém escreveu e compôs de maneira a libertar e expressar o que sente.
    As pessoas tendem a gostar de vários tipos de música, porque o que lhes vai na alma é que vai decidir o que quer ouvir. Normalmente as pessoas ouvem músicas mais tristes, mais calmas quando estão a passar por uma fase de dor, mas não quer dizer que todos os que passam por uma fase dessas na vida, vão ouvir esse tipo de música.
    A arte sempre esteve presente, sempre estivemos rodeados por ela, pela sua magia. Por exemplo, as fotografias são arte, e desde que começaram a existir têm vindo a evoluir. Pode ser uma fotografia mental de uma paisagem que nos intrigou, que nos fez sentir algo naquele exato momento que a vimos. Ou pode simplesmente ser uma fotografia digital, mas existe sempre algo que nos cativa a atenção para tirá-la e admirá-la.
    Portanto, a arte pode ser expressa e interpretada de diferentes maneiras, e na minha opinião a arte não é algo que está definido, é algo que cada um define.

  3. Daniel Mesquita diz:

    ARTE QUE TRANSFORMA E É TRANSFORMADA

    Do ponto de vista dos textos a arte é muito importante, lidera o mundo e ao mesmo tempo é liderada por ele. A meu ver, a arte, apesar de não ser essencial, é muito importante para a humanidade e concordo plenamente com a expressão sobre a arte em relação ao mundo que diz “transformando-o e transformando-se”. Esta vai ser a minha tese neste texto.
    Em primeiro lugar acho importante referir que desde o inicio da espécie humana que a arte existe. Os desenhos que antigamente eram feitos em grutas (pinturas rupestres) eram arte, mesmo que quem o fizesse não soubesse. A arte sempre fez parte da nossa vivência. Entretanto foi evoluindo, deixou de só ser pinturas e começou a haver esculturas, construções, musicas, teatro, cinema, etc… Estes exemplos mostram bem que, á medida que o ser humano evolui, a arte evolui com ele.
    Outro exemplo para ver o mesmo lado desta tese é olharmos por exemplo para as várias pinturas ao longo dos tempos. Quando o homem caçou, pintava-se a caça e os animais; quando se tinha rei ou um imperador fazia-se retratos destes; quando a igreja estava no auge desenhava-se a igreja; quando houve as grandes guerras desenhava-se as grandes guerras. Isto tudo demonstra que a pintura depende muito das vivências e da cultura do homem, mostra que o mundo move a arte.
    Por outro lado, a arte também move o mundo, muitos artistas foram importantes para que o mundo evoluísse, memo que por vezes fossem mortos ou humilhados em praça publica, tendo como objetivo repreender as pessoas. Mas teve muitas vezes o efeito contrário, pois a obra teve tal impacto na população que aquele ato suscitou uma vontade enorme de mudar o que estava errado. Por exemplo, houve tempos em que a igreja mandou no mundo, os primeiros a fazerem arte contra ela eram mortos em praça pública mas tal isto aos poucos mudou a mentalidade das pessoas que hoje em dia há muitos descrentes e existe liberdade de expressão.
    Em suma, estes são os pontos mais importantes porque considero a arte tão boa a nível cultural, além de se adaptam com as mentalidades também adapta mentalidades por ela mesma. Acho que é importantíssimo que esta não deixe de existir para que as mentalidades continuem a evoluir.

    Daniel Silva Mesquita
    Nº6 11ºB

  4. Susana Maia diz:

    A arte na atualidade

    A arte desempenha um papel muito importante nos dias de hoje, quer através da música, quer da pintura, da escultura, entre outras.
    A arte dos dias de hoje é a arte do repouso, da harmonia. Quando ouvimos uma música ou olhamos para uma pintura, podemos “ver” como todos os elementos combinam entre si, dando origem a uma obra com harmonia.
    A arte é bastante importante porque ajuda, entre outras coisas, algumas pessoas a identificarem-se e a serem eles mesmos. E porque não somos todos iguais, existem vários tipos de arte, ou seja, vários tipos de música, de pintura, de escultura, entre outras. Existe música pop, rock, rap, hip-hop, raggae e muitas outras, assim como existe a pintura abstrata, realista, barroca, entre outras.
    Tal como todos nós, a arte foi evoluindo ao longo do tempo, mudando as pessoas, e essas pessoas foram mudando a arte, tornando-a no que é hoje.
    A arte “… quando atinge a sua expressão plena, torna-se património de toda a humanidade, quase mais que a ciência…” porque toda a gente sabe apreciar uma boa música ou uma boa pintura independentemente dos seus gostos, mas nem toda a gente percebe ou aprecia as ciências. Podemos dizer por isso que a arte é universal.
    Todos nós podemos fazer arte, quer através da música, da pintura, da escrita ou até do pensamento, e com isso talvez possamos mudar o mundo e torna-lo num sítio melhor, onde a arte seja apreciada por toda a gente e esteja disponível para todos, e não só para quem tem dinheiro.

  5. Rita Magno diz:

    A arte

    A arte pode-se expressar de várias maneiras. Como assim? Quais são as maneiras?
    A arte é uma expressão da essência, é a expressão de um sentimento, é a expressão da época, é a expressão de sonhos realizados ou não realizados. As maneiras de se expressar são ou através de um pincel e uma tela; ou de uma letra daquela musica que se adequa ao estado de espírito da pessoa e do momento; ou pode ser através de pensamentos (arte do pensar); ou através da maneira de falar ou de se expressar (arte da expressão/falar).
    A meu ver, ninguém consegue viver sem a arte, pois esta já está dentro de cada um de nós, ou seja, já pertence ao património humano. Por exemplo, a arte é uma maneira de ganhar dinheiro, de ter um emprego ou também de preencher aquele tempo livre, como um hobbie.
    O papel da arte é importante, porque se não houvesse arte como ocupávamos o tempo livre ou como reagíamos a certas coisas do dia-a-dia? Por exemplo, hoje em dia ninguém vive sem ouvir um pouco de música, de ver TV, de conversar, de ir a museus de arte, etc… A arte já faz parte do quotidiano de muitas pessoas.
    Em suma, o papel da arte e do artista na sociedade actual é muito importante e significante, pois ajuda-nos a relaxar, a expressar as nossas dificuldades, dúvidas, sentimentos. Praticamente, a arte ajuda-nos a viver a vida talvez mais felizes.

  6. Rafaela Moreira diz:

    A Intemporalidade da arte
    Enquanto que a ciência vai evoluindo ao longo dos tempos e aquilo que um dia fora maravilhoso e inovador nos dias de hoje pode já não ter valor, a arte é uma expressão de sentimentos que se vai moldando aos tempos e vontades dos artistas.
    Suponhamos que, por um dia não havia arte nem artistas. Esse dia seria um dia cinzento e monótono. Não nos poderíamos refugiar dos problemas na música, não haveria livros que nos transportassem para um mundo melhor do que aquele em que vivemos, enfim, seríamos infelizes, obrigados a lidar com a realidade por muito severa que ela fosse.
    Outra das características da arte é a sua intemporalidade. Como prova disso temos que nos tempos de hoje ainda são reconhecidos artistas de séculos passados como Beethoven, Mozart ou Vivaldi e a sua arte ainda é bastante apreciada. A música é uma das várias formas de arte através das quais o artista pode exprimir os seus sentimentos, sentimentos estes que sefão também sentidos por outro alguem, quer no momento, quer uns séculos depois. Deste modo, há sempre quem se identifique com uma certa obra de arte de séculos passados, pelo que está nunca morrerá.
    Concluindo, todas as formas de arte (ou de expressão) são bastante preciosas na sociedade atual, pois são uma forma de escaparmos à realidade que nos rodeia.

  7. Daniela Vinagre diz:

    A arte e a maneira de pensar
    A arte e os artistas têm um papel fundamental na sociedade atual, nas vidas das pessoas em todo o mundo .
    A arte sempre teve um papel importante nas vidas das pessoas, porque é uma maneira de demonstrar como a sociedade é e também o que vai na alma do artista em determinados momentos da vida , isto é , os artistas em vez de falarem , usam palavras para demonstrar, utilizam cores , formas ,etc. Deste modo a mensagem do artista é mais apelativa, chamativa, interessante aos olhos das pessoas. Um quadro famoso que é um bom exemplo de que não são precisas palavras para descrever o que se passa na sociedade é o quadro Guernica que retrata o que aconteceu na cidade de Espanha .Este quadro não tem cor o que vai levar a que o público veja tristeza, as pessoas parecem mortas leva a pensarmos logo em algo trágico. Este exemplo leva-nos a uma frase muito conhecida que é que uma imagem vale mais de que mil palavras.
    A arte sempre teve um papel importante na liderança do mundo , porque a arte é considerada bela, a arte esta em tudo que o homem cria. O homem ao criara uma simples cadeira criou arte. Pode para muitas pessoas ser considerada uma coisa banal mas, quando apareceu pela primeira vez, foi considerado arte. A arte vai ser transformada ao longo do tempo, mas nunca vai desaparecer.
    A arte e o artista o que fazem é importante para a sociedade, porque nos leva a interpretar de maneira diferente coisas simples da vida e que ao longo do tempo vamos aprender novas maneiras de pensar só com uma simples pintura, imagem ou objeto que tudo na vida é belo.

  8. Hugo Campos diz:

    A arte
    O papel da arte e do artista na sociedade atual é muito importante, porque a arte teve sempre um papel de liderança no mundo, transformando-o e transformando-se.
    Na minha opinião, a arte é muito importante pois o mundo sem a arte não conseguiria ver o quão belo, esplêndido e exuberante que é. Os artistas têm um papel importante na arte, como, transmitir a sua e exuberância, nos quadros que pintam, ou seja, quando vemos um quadro apercebemo-nos do mundo belo e magnífico em que vivemos e são eles, os artistas, que nos fazem ver isso.
    A arte é uma alma falante e pensante do homem, e a alma não morre, mas sobrevive à existência física do corpo e do povo. Pensando bem, isto é verdade, porque a arte é uma das maneiras de nos manifestarmos, isso acontece quando ao artistas pintam um quadro expressando os seus sentimentos e opiniões sobre a guerra, política, entre outras coisas. Assim, a arte é alma falante e pensante do homem. A arte nunca irá morrer pois irá sempre haver pessoas capazes de transmitir os seus sentimentos para os quadros.
    Em suma, concluímos que a arte tem sempre um papel de liderança no mundo, transformando-o e transformando-se porque ao mesmo tempo que vai transformando o mundo vai-se transformado, ou seja, a arte também irá evoluir conforme o mundo evolui.

    Hugo Campos Nº14 11ºB

  9. Ana Miguel diz:

    A arte
    A arte é um “bem essencial” à humanidade, tanto na sociedade atual como no passado. Esta arte pode estar exposta em variadas formas tais como a música, o teatro, o cinema, a dança, os quadros pintados por artistas, as peças de todos os tipos de materiais, entre outras.
    Fazer boa arte, seja de que forma for, é colocar os sentimentos, os pensamentos e as emoções para o exterior e mostrá-los ao resto do mundo. Se a arte for triste, é provável que o artista se esteja a sentir triste, tal como se a arte for feliz é provável que o artista se sinta feliz e o queira transmitir às pessoas. Por estes motivos é que a arte é a alma falante e pensante do homem.
    A arte sem dúvida que também ajuda de diversas formas as pessoas, como por exemplo, alguém que está a ultrapassar uma fase difícil e encontra na música que ouve um abrigo por sentir que não está sozinha neste momento. Ou, outro exemplo bem mais simples, as pessoas são felizes a aproveitar a arte e não imaginam a vida sem ela.
    A beleza da arte é algo bastante relativo e tudo depende de como a pessoa se sente ao visualiza-la ou ouvi-la, do que ela lhes transmite e dos nossos gostos, mas toda a arte é bela, na sua forma única e inspiradora.

  10. Um pouco sobre a arte

    Começarei por abordar o meu ponto de vista neste papel em branco, sobre a arte! Relatarei os valores da arte e a sua importância na sociedade, bem como os sentimentos e os diversos significados que o artista pretende despertar no espetador. Em minha opinião, a arte é como uma luz num túnel escuro, com este pensamento quero realçar que existe arte em tudo, quer em objetos, pensamentos ou pessoas; ou seja a arte é um meio de comunicação. Posso dar o exemplo de uma simples folha de papel, que à primeira vista parecendo um objeto simples, o artista pode criar a mais diversificada arte, um dos exemplos é que todos nós, quando pequenos, já nos divertimos a construir aviões a partir de uma simples folha de papel, certo é que esse pequeno avião feito de papel mexe com os nossos sentimentos de uma forma inexplicável. Conseguimos sentir alegria, euforia e divertimento, sentimentos esses que são fruto da nossa imaginação e da forma como perspetivamos o mundo. A isso eu chamo de arte!
    A arte é inexplicável, até os grandes filósofos tentam defini-la no seu estado mais puro e simples, tentando eles mesmo, senhores do correto e do errado não conseguir definir o conceito de arte. Eu posso ser pequeno e insignificante, mas para mim, a arte é tudo aquilo que nós conseguimos imaginar, fazendo despertar nos outros todo o tipo de comunicação.
    Na sociedade a arte tem grande impacto, porque como disse, ela mesma faz despertar os nossos sentimentos persuadindo-nos a comprar algo e a tomar as nossas decisões.
    Os artistas tentam criar algo que desperte sentimentos, e ao fazê-lo criam a sua própria arte. Essa arte pode fazer-se sentir em mais elementos da sociedade, influenciando assim as suas vivências.
    Por fim, queria sublinhar que a arte não é algo definido e concreto, podendo ser até abstrata, sendo que deva ter como objetivo o despertar das nossas mais profundas emoções.

    Francisco Gouveia
    11º A

  11. Ines Santos diz:

    A arte e o artista na sociedade atual

    A arte é como o centro de tudo, a referência principal, o centro do mundo.
    Quem somos nós sem a arte? Sem o poder de expressão, sem o poder de nos conseguirmos libertar? A arte é um poder, é algo sentido e vivido que muitas vezes expressa mil e uma coisas. O artista é quem expressa, quem vive o sentimento é a base da arte.
    Cada traço é arte, é uma emoção sentida. Desde a pintura à música, temos diferentes tipos de arte como por exemplo a dança, uma arte muito valorizada e com grande importância nos dias de hoje. Não podemos dizer que arte é só pintura e quadros expostos em grandes museus e galerias, porque não o é, a arte é muito mais do que algo físico.
    A arte sempre teve um papel de liderança no mundo, já no tempo antigo os primeiros Homens todos os dias criavam arte, para comunicar faziam a pintura nas paredes, chamada pintura rupestre que hoje é bastante admirada e reconhecida. A arte sempre foi e será uma evolução, transformando e transformando-se, transformando o mundo com a sua constante transformação.
    A arte de um povo é a sua alma viva, é a expressão de cada alma, de cada pensamento. Considerada muitas vezes património de toda a humanidade, em várias vertentes, quase mais do que a ciência, porque muitas das vezes a arte é a alma falante e pensante do Homem, e esta alma não falece, e sobrevive à física de tudo aquilo que a rodeia. A arte é um saber, uma filosofia, algo que nos acompanha a cada dia.
    Concluindo, considero que a arte muitas vezes é ocultada quando deixa de ser o mais importante a ver e a reconhecer, pois a arte é uma palavra cheia de pensamentos e emoções sentidos pelo Homem e muitas vezes nem uma palavra o é.

  12. Beatriz Gonçalves diz:

    A arte na atualidade

    A arte é uma grande virtude, pois toda a gente a admira de alguma forma. A arte está em todo o lado pois, para além de ser algum subjetivo, também é objetivo. Qualquer coisa significa arte para alguém, como por exemplo a ciência pode ser arte para os estudiosos e a música é arte para mim.
    Na minha opinião, a arte é uma coisa que não se pode definir, vendo que depende da perspetiva de cada um. Como refere o texto a arte fala por si, exprime emoções e sentimentos, como quem ouve uma música triste, fica com um sentimento de tristeza e uma música feliz eleva a nossa autoestima.
    Como já se deve notar, a música é sem dúvida a arte mais bela para mim.
    Deste modo imaginamos a quantidade de pessoas que têm uma opinião diferente e apreciam outro tipo de arte.
    Atualmente a arte é vista como o ponto mais alto da cultura de um país ou de uma cidade, assim como a arte cinematográfica e outras coisas.
    O Porto, por exemplo, é uma cidade de património cultural. Há muita gente que não consegue ver a beleza que vai nos azulejos de uma casa ou nas igrejas, embora isso salte à atenção de qualquer um.
    Deste modo concluo dizendo que a arte deve ser apreciada. Seja ela qual for, e mesmo que não nos interessemos por ela, pelo menos tentamos vê-la numa coisa qualquer, pois ai, a arte também existe. como por exemplo, desde o tijolo até à torre a arte cresce.
    Se o mais ínfimo pormenor num simples objeto pode torná-lo especial, o que para nós ser+a uma arte.

  13. Ana Alves diz:

    FORA DE PRAZO

    A arte, uma linguagem universal
    A arte esteve sempre presente ao longo dos séculos. Alguns veêm-na como tinta numa tela, outros como desabafos.
    Para mim, a arte é exatamente isso, é a expressão de sentimentos, é a revolta, a alegria, a tristeza. A arte é uma linguagem universal que não precisamos propriamente de aprender para nos entendermos uns aos outros, já nasce connosco.
    O papel da arte é extremamente importante para o mundo porque através desta todos nós conseguimos comunicar e porque ela também embeleza as ruas, as casas, os museus, embeleza o mundo e alegra-nos. Por exemplo, se não existissem museus não teríamos a oportunidade de conhecer a história da arte daquele determinado local e iríamos perder a oportunidade de obter cultura.
    O papel do artista é igualmente muito importante pois sem ele a arte não seria expressa e não poderíamos ver os maravilhosos quadros, as esculturas ou os monumentos.
    A arte evoluiu ao longo dos séculos, desde a pré-história, à actualidade, passando pela idade-média.
    Concluindo, penso que na arte está escrita a história dos povos, das culturas e se não houvesse arte, não teríamos património, nenhum povo se “distinguiria”. Se não houvesse arte, nunca poderíamos saber de que forma os nossos antepassados pensavam e não poderíamos expressar os nossos sentimentos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s